Nos últimos meses, a conta de luz tem afetado significativamente o orçamento das famílias brasileiras. Em outubro de 2017, a bandeira tarifária vigente foi a vermelha patamar 2, a mais cara prevista, e que corresponde ao valor de R$3,50 a cada 100 kWh consumidos. A explicação do aumento está relacionada à forte estiagem que reduziu o volume de água nas principais usinas hidrelétricas do país e ao aumento do consumo geral. Apesar de a situação ser desfavorável para os consumidores, é possível economizar até 15% na conta com medidas simples no dia a dia. Confira a seguir algumas dicas sobre como economizar energia elétrica residencial:

Lâmpadas

Prefira as lâmpadas LED em sua residência. Apesar de serem mais caras, elas são as mais recomendadas para uso doméstico. Entre as principais vantagens está o baixo consumo de energia e maior durabilidade. Você perceberá ao longo do tempo que o custo-benefício das lâmpadas LED é muito atrativo.

Modo stand-by

Os equipamentos elétricos no modo “stand-by” são um dos principais vilões silenciosos no consumo de energia nas residências. Por isso, é importante verificar se os dispositivos realmente precisam permanecer em modo de espera. Os equipamentos mais comuns no modo stand-by são televisores, micro-ondas, impressoras, home theaters, secretárias eletrônicas e DVDs.

Selo PROCEL

Opte por equipamentos e eletrodomésticos com o selo PROCEL. Trata-se de um selo do Inmetro que identifica produtos que são mais eficientes e que consomem menos energia.

Geladeira

Jamais utilize a parte traseira da geladeira para secar suas roupas. Descongele-a regularmente e realize a higienização necessária.

Chuveiro

Utilize o chuveiro elétrico com consciência, pois ele é um dos aparelhos que mais consome energia dentro da residência. Quando não estiver fazendo frio, coloque a chave na posição “Verão” para economizar até 30% de energia no aquecimento da água.

Ar condicionado

Caso o ambiente tenha um ar condicionado, feche todas as portas e janelas para reduzir o consumo do aparelho. Se houver aberturas para entrada de ar quente no local, o aparelho de ar condicionado precisará se esforçar mais para poder compensar a perda de ar frio, o que resulta no aumento do consumo de energia.

Iluminação interna

Pinte as paredes da residência com cores claras como branco ou bege, pois elas refletem melhor a luz natural. Dessa forma, a necessidade de uso de lâmpadas no ambiente será menor. Tente aproveitar ao máximo a luz natural, mantendo as cortinas, janelas e portas abertas sempre que possível.

Gostou das dicas sobre como economizar energia elétrica residencial? Continue acompanhando o blog da Gruger para mais dicas, notícias e curiosidades sobre energia elétrica e grupos geradores!